Os melhores Bancos Digitais em atividade no Brasil

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Nos últimos anos temos presenciado no mercado brasileiro um verdadeiro ‘boom’ dos Bancos Digitais. Bem, não precisa ser nenhum gênio para deduzir que isso é positivo para nós consumidores.

Menores tarifas, menos burocracia, menos tempo gasto em filas e até transferências gratuitas para outros bancos são os maiores atrativos que eles oferecem.

Bancos digitais

Sem falar que com o aumento da concorrência, os preços de produtos/serviços tendem a diminuir.

Mas será que realmente vale a pena trocar os chamados bancos tradicionais pelos bancos digitais?

Esse é um dos tópicos que abordarei nesse post.
Leia também: As melhores maquininhas de cartão para o seu negócio

Contudo, a priori, precisamos fazer uma análise sobre alguns aspectos técnicos, e, com base nos resultados, ver quais projetos mais se destacam entre as opções do mercado.

Os melhores Bancos Digitais em atividade no Brasil

Quando assunto é banco, alguns pontos cruciais devem ser levados em consideração.

De cara você pode até se encantar com a proposta, o layout do aplicativo e tudo mais.

No entanto, o fator primordial a ser observado antes de abrir uma conta em quaisquer bancos digitais é a segurança.

Afinal, é o seu dinheiro que está em jogo, não é mesmo?

Vamos à lista:

1 – Banco Inter

O Banco Inter, antigo Intermedium lidera essa lista e não por acaso.

O Inter está há 23 anos no mercado, começando as atividades como uma financeira e passando a operar como banco apenas em 2014.

Bancos digitais
Aplicativo Banco Inter: Reprodução/Inter

O banco tem uma proposta até então inovadora: oferecer todos os serviços que os demais bancos oferecem, de forma 100% digital e sem cobrar tarifas.

Isso mesmo, o banco não cobra tarifa sobre nenhuma transação realizada. Seja TED, DOC, saque, depósito ou etc.

O que leva o Inter a liderar essa lista, além de sua proposta inivadora, é a sua solidez.

O banco tem capital aberto na B3, a bolsa de valores de São Paulo. Isso reforça a credibilidade e seriedade da instituição.

Seu dinheiro estará assegurado também pelo FGV (Fundo Garantidor de Crédito).

2 – Neon

O Neon surgiu em 2016, e de lá pra cá tem conseguido se estabelecer entre os melhores bancos digitais do mercado.

Apesar de não ter tanto tempo de mercado, o Neon conta hoje com o suporte bancário do Banco Votorantim.

Uma instituição sólida e reconhecida como uma das melhores do país.

O Neon traz uma proposta de conta bancária 100% digital, onde até mesmo a abertura de conta é feita através do aplicativo.

Diferente do Inter, no Neon os serviços bancários podem ser tarifados, de acordo com a quantidade.

No mês o cliente tem direito aos seguintes serviços gratuitos: um saque, uma emissão de boleto e uma transferência para outros bancos.

Excedendo esse limite é cobrada uma tarifa para cada transação realizada.

3 – Nuconta

O Nubank, conhecido pelo cartão de crédito roxinho, agora também faz parte do time dos bancos digitais.

A Nuconta disponibiliza transferências grátis e ilimitadas para qualquer banco.

Apesar de inicialmente não oferecer a opção de saque, a Nuconta está, aos poucos, disponibilizando cartão físico para seus correntistas.

O cliente pagará R$ 6,50 por saque na rede 24h.

Outra vantagem da Nuconta é que seu dinheiro tem rendimento diário, automático e superior à poupança.

Ou seja aplicá-lo, não é necessário nem mesmo aplicá-lo, basta deixar na Nuconta e terá rendimentos.

A entrada da gigante Nubank na briga demonstra que os bancos digitais têm um grande potencial de crescimento nos próximos anos.

4 – Next

O Next é um banco subsidiado pelo Bradesco, mas que tenta atrair o público jovem e interessados em contas digitais. Recentemente, ele lançou uma conta corrente sem tarifas e passou a ficar bem mais interessante.

Bancos digitais
Banco Next: Reprodução/Next

O plano básico do Next dá acesso a 1 TED/DOC por mês, saques ilimitados, cartão de crédito Visa Internacional sem anuidade (por enquanto) e assistência viagem. Além disso, ele tem recursos legais como o Flow, Vaquinha, Objetivo e Mimos.

Este último é mais interessante: só pelo fato de ter uma conta no Next, você consegue desconto de R$ 20 no Uber, 5% no Airbnb, 50% no Cinemark e em diversos outros serviços.

5 – Agibank

Outra opção interessante é o Agibank. O banco oferece uma conta corrente digital que dá acesso a empréstimos, seguros, consórcios e investimentos.

Ao abrir a conta você pode solicitar o cartão de débito e, caso seja aprovado, pode ter a função crédito.

O Agibank não cobra tarifa de manutenção. Saques, transferências, depósito por boleto e o cartão de crédito são isentos por um determinado tempo.

Esses são os valores para operações, em vigor a desde de junho de 2018:

  • saque nas redes 24h: 2 saques por mês (depois R$ 6,49 por saque);
  • transferências: 4 TEDs por mês (depois R$ 1,90 por TED);
  • boletos liquidados: 4 boletos por mês (depois R$ 2,99 por boleto);
  • cartão de crédito: mensalidade isenta no primeiro ano (depois R$ 12,99). Se você gastar 50% do limite no mês, ter fatura maior ou igual a R$ 500 e investir no mínimo R$ 5.000 com o Agibank, consegue manter a isenção.

O Agibank oferece ainda uma conta jurídica (inclusive para MEI) sem taxa de manutenção e você paga pelos serviços que usar.

Os melhores Bancos Digitais em atividade no Brasil 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.