Você sabe o que é uma pirâmide financeira? Veja como não perder seu dinheiro para os “faraós”

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

“Não existe almoço grátis”, já dizia o velho ditado.
Sabe aquele esquema mirabolante que promete retorno rápido e garantido do seu investimento? É muito possível que seja um esquema de pirâmide financeira.

Você sabe o que é uma pirâmide financeira? Veja como não perder seu dinheiro para os "faraós" 1

Muitas pessoas têm caído, por inocência e falta de informação, em esquemas que não se sustentam e que, dentro de algum tempo, simplesmente somem do mapa com o dinheiro dos “investidores”.

A falta de informação e a busca por retorno rápido do dinheiro investido talvez expliquem um pouco esse fenômeno que, infelizmente, é crescente no Brasil e no mundo.

Em 2017, a PF desbaratou um esquema de pirâmide que envolvia uma suposta moeda virtual: a Kriptacoin. Os falsos executivos aliciavam vítimas com uma promessa de altos ganhos diários sobre o valor investido, podendo chegar a 1% ao dia. Os fundos ficavam retidos por um ano até que os investidores teriam acesso ao lucro. A pirâmide movimentou cerca de R$ 250 mi e lesou mais de 40 mil pessoas.
Leia também: 8 aplicativos e sites para ganhar dinheiro extra todo mês

Como não cair em pirâmide financeira?

Qualquer pessoa pode checar a idoneidade de uma plataforma através de pesquisa e sondagem na internet. É importante verificar o histórico, se possível, e até mesmo procurar depoimentos em fóruns, sites e redes sociais. Afinal, é o seu patrimônio que está em jogo.

Você sabe o que é uma pirâmide financeira? Veja como não perder seu dinheiro para os "faraós" 2

Após toda a pesquisa, há alguns pontos os quais o usuário deve se ater antes de fazer seu investimento. Abaixo estão alguns:

1 – Se te oferecem de graça, desconfie.

Muitos “faraós” passam o dia enchendo a caixa de mensagens das pessoas oferecendo dinheiro fácil, sem investimento e com lucro garantido.

Se alguém anda spamando sua caixa de entrada com esse tipo de mensagem, fuja para as colinas! Uma hora vão lhe pedir o famoso “depósito” inicial.

2 – Produto rentável… Será?

Se o produto que essa pessoa está oferecendo é tão rentável assim, por que mesmo ela o está oferecendo?

Pessoas bem sucedidas financeiramente não precisam recrutar outras pessoas para uma rede X. Se o produto é bom, elas lucram vendendo e pronto.

3 – Lucratividade alta, retorno rápido e garantido

Não existem investimentos com lucros altos e ainda garantidos.

Investimento é risco e tem que ser medido com cuidado. Se alguém te oferecer algo do tipo, mande-o educadamente ir pa… star!

4 – Além de investir, o usuário tem que trazer outras pessoas para a rede.

Se o sistema tem uma rede de recrutamento, ligue imediatamente o sinal de alerta, pois este é uma das principais características de um esquema de pirâmide financeira.

5 – Sites sensacionalistas demais, promessas mirabolantes

Não é muito difícil criar um site para atrair pessoas para golpes.
Basta o golpista ter um mínimo de conhecimento sobre softwares, ou contratar um bom programador e… pronto!

Pirâmide financeira

Há de se ter muito cuidado com suspeitos que aperecem todos os dias na internet. Grande parte deles não passa de enganação, falcatrua.

Usam softwares idênticos aos dos sites sérios, conseguem enganar muita gente, e até serem descobertos, seus donos já estão até milionários.

6 – Rede de doação voluntária? Não caia nessa!

Muitas plataformas fajutas usam esse modus operandi para pôr a mão no seu dinheiro.

Doações voluntárias são sim permitidas por lei. Porém, esses esquemas usam do argumento da legalidade de doações para aliciar as pessoas a doarem seu dinheiro a desconhecidos.

As pessoas doam voluntariamente (ou nem tanto) com a promessa de receber dezenas de vezes mais do que o valor que doaram.

“Faraós” estão em toda a parte.

Desconfie sempre do faraó sorrateiro que vem silenciosamente no privado oferecer serviços que multiplicam seus investimentos por “N” vezes ao quadrado.

Essas pessoas agem nas sombras, usam perfis falsos e temem com todas as forças a exposição pública.

Busque sempre referências sobre tal perfil e, se possível, exija documentos que comprovem a veracidade do que o possível golpista está oferecendo.

Por último, se suas suspeitas forem comprovadas, além de não entrar na pirâmide financeira, você tem que denunciá-la às autoridades competentes para que mais pessoas não caiam.

Você sabe o que é uma pirâmide financeira? Veja como não perder seu dinheiro para os "faraós" 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.